sexta-feira, 11 de maio de 2007

O morto ameno

Em cinco segundos

As buzinas soaram tresloucadas.

E teu rosto ameno,

Delicado,

Farto,

Com sangue,

E teu cabelo loiro,

Macio,

Simplório,

Coberto por um veludo vermelho...

Soaram todos em barulhos inquietantes.

4 de agosto de 2004 / 11 de maio de 2007

2 comentários:

-Manu- disse...

Texto delicado, macio e inquietante!!

Parabéns!!!

Jess disse...

Muito bom, de forma eufêmica, e simples consegue passar a mensagem. Muito bom mesmo.

Abraço.